24
MARÇO
Março
0102030405060708
0910111213141516
1718192021222324
25262728293031
1955
Turquia inicia a construção de sua primeira usina hidrelétrica.
1956
Berlim planeja a construção de uma usina termonuclear e uma fábrica de aviões a jato.
1960
O governo de Formosa proíbe a exportação de edições piratas de livros estrangeiros
1965
A sonda espacial americana Ranger-9 enviou à Terra 5.814 fotos da superfície lunar, antes de espatifar-se a seis quilômetros da cratera de Alphonsus.
1968
ONU condena o ataque de Israel à Jordânia, ocorrido em 21 de março.
1970
O cônsul paraguaio Joaquín Sánchez é sequestrado na Argentina.
1971
Sul-vietnamitas deixam o Laos, após 44 dias de combates e em face da violenta reação norte-vietnamita.
1972
A Petrobrás confirma a descoberta de um lençol petrolífero no Espírito Santo.
1976
Militares tomam governo na Argentina.
1980
Terroristas matam D. Oscar Arnulfo Romero, arcebispo de San Salvador.
1984
Brasil faz acordo com China, formalizando operações comerciais que elevariam o comércio bilateral a um bilhão de dólares até o fim do ano.
1987
Bancos entram em greve em todo o Brasil na reivindicação por reajuste salarial.
1995
Zequinha Barbosa, nos 800m, e Eronilde Araújo, nos 400m com barreiras, ganham medalhas de ouro nos Jogos Pan-Americanos.
1997
Austrália revoga lei da eutanásia, vigente no Território do Norte desde julho de 1996.
1998
Meninos de treze anos matam a tiros quatro meninas e uma professora nos EUA.
1999
Juízes negam o pedido de imunidade do ditador chileno Augusto Pinochet.
2003
Assassinado o juiz Alexandre Martins de Castro Filho, da 5ª Vara de Execuções Penais do Espírito Santo.
2003
O pediatra Eugênio Chipkevitch é condenado por pedofilia por abusar sexualmente de crianças e adolescentes durante consultas clínicas, foi condenado a 124 anos de prisão em regime fechado sem direito de recorrer em liberdade.
2004
Bomba explode em consulado brasileiro no Chile. O atentado ocorreu depois de encerrado o expediente e não causou vítimas. O atentado foi justificado como retaliação pela prisão do chilene Mauricio Hernández Norambuena, ex-líder do grupo MIR e condenado a 30 anos de prisão pela justiça brasileira pelo sequestro do empresário Washington Olivetto, em 2001.